Lemos | Guardiões da Galáxia: A Queda da Panini

Se você gosta dos filmes dos Guardiões e ainda não conhece os quadrinhos, já passou da hora

Os Guardiões da Galáxia são um sucesso no universo cinematográfico da Marvel. Seja pelo bom humor, ou por sair do lugar comum em relação aos outros filmes, o filme tem feito bons números lá fora e aqui. E se você conhece os personagens só pelas telonas, saiba que os quadrinhos dos Guardiões também são muito bacanas. Agradecemos a Panini pelo envio da edição Guardiões da Galáxia: A Queda, que apesar de não ser o primeiro encadernado do grupo (o primeiro dessa fase seria Guardiões da Galáxia: Vingadores Cósmicos, também lançado pela editora) traz uma história fechada possível de ser entendida por quem saiba o mínimo do grupo. Sério, palavra de quem leu alguma coisa aqui e ali, mas que diz desde já que terminou satisfeito a leitura. A história, escrita por Brian Michael Bendis e ilustrada por vários artistas, sendo Nick Bradshaw o principal, envolve o pai do Senhor das Estrelas, que busca vingança contra os Guardiões, J’son, o Senhor de Spartax (e não Ego, o Planeta Vivo, como no segundo filme do cinema). Essa vingança é por conta de uma história anterior (explicada na recapitulação no começo da edição) em ele havia declarado a Terra fora dos limites de alienígenas e quando os Guardiões defendem o planeta de uma invasão dos alienígenas Badoon, J’son manda seus soldados atrás do grupo que escapam. Agora J’son quer caçar separadamente os membros dos Guardiões afim de minar sua força como equipe. A partir daí começa uma história de perseguição, recheada com muita ação, poderes cósmicos e humor (na dose certa, longe do exagero em alguns momentos dos filmes). O roteiro de Bendis, que foi por muito tempo um dos maiores roteiristas da Marvel, até sua recente contratação pela DC, é fantástico, prendendo a atenção do leitor em cenas cinematográficas. A arte de Bradshaw é ótima e combina com o roteiro. No entanto em alguns momentos da edição, a arte de alguns artistas convidados deixam a desejar, mas nada que estrague a diversão. Outro destaque é a participação da Capitã Marvel, que acaba entradno na equipe e que também está chegando nas telonas ano que vem na pele da atriz Brie Larson.

A edição da Panini está de parabéns, com apresentação em capa dura que vale a pena para aqueles que são fãs do grupo, ou aqueles que desejam começar a colecionar. Além do arco de histórias, a edição ainda traz a entrada do Agente Venom na equipe. Aqui vale um parentese para situar a galera. O Agente Venom é uma das encarnações do clássico vilão nos quadrinhos. Aqui o simbionte se uniu ao Flash Thompson, aquele mala que odiava Peter Parker nos filmes do Aranha. Bem, ele virou militar, perdeu as pernas e ganhou um simbionte, coisas de Marvel. Ainda assim gosto mais dele do que outras encarnações. Aliás, já viu o trailer do filme que estréia esse ano? Clica aqui). Também tem duas histórias extras, uma com Groot, amado da galera e outra com os Guardiões da Galáxia originais. Sim, para quem não sabe, a equipe do cinema é uma encarnação mais recente e a original estreou em 1969 por lá. Alguns dos membros originais também deram a cara no cinema, Yondu (péssimo, bem longe do personagem dos quadrinhos, que é mais sério) e no segundo filme aparecem outros, sendo um deles o próprio Stallone, e os demais na cena pós créditos. Mas lá eles fazem parte dos Saqueadores em ajuste à realidade do universo cinematográfico. As histórias extras do encadernado foram publicadas lá fora na edição número 14, em comemoração a que seria a centésima edição, se a Marvel não ficasse zerando toda hora a numeração. A edição também traz duas cenas a lápis de Bradshaw e as capas originais americanas. Enfim, vale a pena conhecer as hqs para se preparar para Guerra Infinita, que chega por aqui em Abril desse ano. Além dos encadernados já mencionados a Panini já lançou Guardiões da Galáxia: Ângela, o segundo e Guardiões da Galáxia: Jean Grey, que seria o anterior à edição desse post. Fique com as capas, os dados das edições e os links para compra.

Guardiões da Galáxia: Vingadores Cósmicos

Formato americano, capa dura, papel couché, 144 páginas, R$ 28,90

No momento a edição se encontra esgotada na Loja Panini, mas você pode encontra-la em lojas especializadas

Guardiões da Galáxia: Angela

Formato americano, capa dura, papel couché, 168 páginas, R$ 28,90

Clique aqui para comprar a sua na Loja Panini

Guardiões da Galáxia e Novíssimos X:Men – O julgamento de Jean Grey

Formato americano, capa dura, papel couché, 136 páginas, R$ 28,90

No momento a edição se encontra esgotada na Loja Panini, mas você pode encontra-la em lojas especializadas

Guardiões da Galáxia: A Queda

Formato americano, capa dura, papel couché, 128 páginas, R$ 28,90

Clique aqui para comprar a sua na Loja Panini

Felipe
Químico, pai e professor no mundo real, Felipe, vulgo Nerd sempre foi apaixonado por quadrinhos,cinema e TV. Também adora escrever e discutir sobre os temas nas horas vagas, o que o trouxe a GameplayRJ, sua morada na internet.

Comentários

comentários