Assistimos | Entre facas e segredos

Confira nossa análise completa do filme indicado ao Emmy

Estreou na última semana nos cinemas brasileiros o filme Entre Facas e Segredos, um mistério envolvente no melhor estilo Agatha Christie. O longa acaba de ser indicado em três categorias no Globo de Ouro (confira a lista completa aqui): Melhor Filme de Comédia ou Musical, Melhor Atriz em Comédia ou Musical para Ana de Armas e Melhor Ator em Comédia ou Musical para Daniel Craig. Mas vamos à sinopse oficial da Paris Filmes, que distribuiu o filme por aqui:

“O aclamado escritor e diretor Rian Johnson (‘A Ponta de um Crime’, ‘Looper: Assassinos do Futuro’, ‘Star Wars: Os Últimos Jedi’) homenageia a mente misteriosa de Agatha Christie no filme ‘Entre Facas e Segredos’ (Knives Out); uma história atual e divertida que vai agradar toda a família, sobre crime e mistério onde todos são suspeitos. O renomado romancista Harlan Thrombey (Christopher Plummer) é encontrado morto logo após sua comemoração de 85 anos. O inquisitivo e charmoso detetive Benoit Blanc (Daniel Craig) é recrutado para investigar. Foi um assassinato? Da família disfuncional de Harlan à sua equipe dedicada, Blanc examina uma rede de mentiras para descobrir a verdade por trás da morte prematura de Harlan. Uma teia de reviravoltas manterá você desconfiado até o final. Com um elenco de estrelas, incluindo Chris Evans, Ana De Armas, Jamie Lee Curtis, Don Johnson, Michael Shannon, Toni Collette, LaKeith Stanfield, Katherine Langford e Jaeden Martell, ‘Entre Facas e Segredos’ é uma história de mistério geniosa e espirituosa que que garante que o público se mantenha constantemente tentando descobrir quem matou Harlan Thrombey.”

Um elenco estelar, a excelente direção de Rian Johnson, uma história repleta de reviravoltas e uma produção impecável. Essas razões já deveriam ser suficientes para nosso seguidor assistir esse grande filme. Mas infelizmente Entre Facas e Segredos não teve uma divulgação maciça como os grandes blockbusters recorrentes nas salas de cinemas. Alguns trailers aqui e ali, cartazes discretos, e pouca divulgação na mídia dita especializada. Mas se por um lado isso parece negativo, o filme acabou se revelando uma das ótimas surpresas de 2019. Os romances policiais de Agatha Christie conquistaram e ainda conquistam milhares de leitores todos os anos. Dentre os seus personagens o detetive Hercule Poirot. Assim como outro clássico detetive, Sherlock Holmes é um personagem que vive pela emoção de revolver um mistério. Certamente os grandes detetives da literatura foram inspirações para o personagem Benoit Blanc (a homenagem já começa pelo nome) vivido por Daniel Craig. Ainda que seja caricato e pareça pouco inteligente em alguns momentos, fica evidente já na primeira cena que ele será o fio condutor da trama. Na mesma cena vemos a direção brilhante de Johson que o coloca ao fundo enquanto toma os depoimentos dos suspeitos pelo crime. Mas não espere um discurso eloquente nesse momento. Benoit permanece em silêncio e apenas toca uma tecla do piano quando percebe a mentira nos depoimentos. Outra grande força motriz da trama é o personagem de Marta Cabrera, que tem uma condição muito singular. Ela vomita quando se obriga a mentir. O estabelecimento destes elementos e das personalidades dos possíveis herdeiros de Harlan Thrombey (interpretado por um Christopher Plummer ainda esbajando atuação) começa uma trama que assim como os clássicos detetives mencionados, mantém o espectador interessado por toda a projeção. Lidar com um elenco estelar pode ser complicado para um diretor, pois todos são todos grandes atores e levariam sozinhos um filme nas costas. Mas a habilidade de Rian Johnson em tirar o melhor deles e deixar que apareçam cumprindo suas funções na história é louvável. Quando vi os trailers achei que os personagens seriam muito caricatos, mas quando isso ocorre é utilizando um nível adequado. Benoit se mostra excêntrico em seu método, e por vezes até cômico. Mas tudo se revela parte do mistério envolvente que se desenvolve durante o filme. E se em dado momento tudo já parece resolvido, o filme continua em uma exponencial crescente de plot twists e o espectador só entenderá o que realmente aconteceu ao final da projeção. Infelizmente não posso me estender mais pois seria entregar spoilers e estragar a experiência de nosso seguidor. Mas se você está buscando uma diversão leve, fugir dos blockbusters e ao mesmo tempo original, Entre Facas e Segredos é seu filme. Fiquem ligados para mais novidades sobre filmes, a qualquer momento, aqui no GamePlay RJ.

Comentários

comentários