Assistimos | Dois Irmãos – Uma Jornada Fantástica da Disney Pixar

Confira nossa análise completa do longa da Disney Pixar

Estreou esta semana nos cinemas o longa Dois Irmãos – Uma Jornada Fantástica. O longa é a produção mais recente da Pixar/Walt Disney Studios e teve pouca divulgação, mas como todas animações do estúdio, sempre gera expectativa. Confira  sinopse oficial e fique tranquilo, pois nossa análise não tem spoilers:

“Ambientado em um subúrbio de um mundo de fantasia, “Dois Irmãos – Uma Jornada Fantástica”, da Disney Pixar, apresenta dois irmãos elfos adolescentes que embarcam em uma missão extraordinária para descobrir se ainda há um pouco de mágica por aí. O novo longa-metragem original da Pixar Animation Studios é dirigido por Dan Scanlon e produzido por Kori Rae – a equipe por trás de “Universidade Monstros”

O longa começa no aniversário de Ian (voz original de Tom “Homem Aranha” Holland) que não teve a oportunidade de conhecer o falecido pai e com 16 anos sente mais do que nunca a falta dele. Já o irmão Barley (voz original de Chris “Starlord” Pratt), que parece levar a vida numa boa, teve a oportunidade de conviver com o pai, mas ainda tem isso mal resolvido dentro de si. Eis que a mãe entrega um presente do pai para Ian: um cajado que possibilitará ele passar um dia inteiro com ele. Mas o feitiço dá errado, só retornando metade do corpo do pai, e agora eles vão ter que embarcar em uma jornada para tentar completar o encantamento e desfrutar do presente. O filme foi baseado nas próprias experíências de Dan Scanlon, que perdeu o pai e também é o irmão mais novo de sua família. Ele que já havia trabalho o tema em Viva: A Vida é uma Festa, mas aqui trata o luto dos irmãos de uma forma mais leve. Na verdade, a grande mensagem do filme não é sobre os que se foram, e sim valorizar os momentos que temos com nossos entes queridos enquanto é possível. A animação da Pixar como sempre é de encher os olhos e sem dúvida já vale a ida ao cinema. O mundo dos irmãos elfos traz uma metalinguagem interessante de nossa própria sociedade, onde a magia das coisas foi substituída pela tecnologia. Além destas temáticas o filme tem uma ambientação baseada nos jogos de RPG e filmes de fantasia medieval e os fãs destes temas vão se divertir na caça aos inúmeros easter eggs durante o filme. E ainda que hoje esteja na moda ser nerd, o filme toca de forma muito sutil o preconceito contra o grupo social. E se por um lado o trailer entrega somente uma história “padrão Pixar”, o público vai se emocionar com o filme, principalmente o desfecho. Enfim, uma boa surpresa dos estúdios que trouxeram tantos sucessos e que finalmente se desvencilhou de continuações e repetições de fórmula. Dois Monstros – Uma Jornada Fantástica deve agradar tanto as crianças quanto os adultos, que certamente vão captar os temas abordados de maneira mais proveitosa. E ainda que o marketing não tenha sido muito agressivo, o filme é uma diversão muito acima da média que vale se conferido nas telonas. Fiquem ligados para mais novidades sobre filmes, a qualquer momento, aqui no GamePlay RJ.

Químico, pai e professor no mundo real, Felipe, vulgo Nerd sempre foi apaixonado por quadrinhos,cinema e TV. Também adora escrever e discutir sobre os temas nas horas vagas, o que o trouxe a GameplayRJ, sua morada na internet.

Comentários

comentários